Páginas

Se DEUS nos escolhe, resta-nos alguma escolha?

Deus nos escolhe ou nós escolhemos a Deus?
Esta pergunta vem sido discutida por séculos, porém devemos entender que a princípio todos estávamos mortos espiritualmente, incapazes de atender ao chamado de Deus e só Ele pode nos dar o dom da vida. Efésios 2:1,2 diz: "Vocês estavam mortos em suas transgressões e pecados, nos quais costumavam viver, quando seguiam a presente ordem deste mundo e o príncipe do poder do ar, o espírito que agora está atuando nos que vivem na desobediência."

Quando o pecado entrou na raça humana, deixou todos incapacitados por isso não podemos ir até Deus sem a sua misericórdia. Não é a consciência de sermos pecadores que nos faz voltar para Deus. Mas Deus, que em sua misericórdia, desperta essa consciência em nós. 

Alguns acreditam que a nossa salvação por meio de Cristo é totalmente limitada à escolha soberana de Deus. Os únicos que crêem em Cristo, segundo eles, são os que Deus destinou à salvação antes do início do mundo. Veja: "Todavia, Deus, que é rico em misericórdia, pelo grande amor com que nos amou, deu-nos vida juntamente com Cristo, quando ainda estávamos mortos em transgressões - pela graça vocês são salvos." (Efésios 2:4,5)

Quem crê assim, enfatiza que não existe uma pessoa sequer que busque a Deus por si próprio. Veja: "Como está escrito: “Não há nenhum justo, nem um sequer, não há ninguém que entenda, ninguém que busque a Deus." (Romanos 3:10,11). Porém, Deus em sua misericórdia escolheu salvar alguns. - “Pois ele diz a Moisés: “Terei misericórdia de quem eu quiser ter misericórdia e terei compaixão de quem eu quiser ter compaixão”. (Romanos 9:15) 

Ir a Deus não depende de quem quer ou de quem não quer, mas de Deus usar a sua misericórdia - “Como está escrito: “Amei Jacó, mas rejeitei Esaú”. E então, que diremos? Acaso Deus é injusto? De maneira nenhuma! Pois ele diz a Moisés: “Terei misericórdia de quem eu quiser ter misericórdia e terei compaixão de quem eu quiser ter compaixão”. Portanto, isso não depende do desejo ou do esforço humano, mas da misericórdia de Deus.” (Romanos 9:13-16) 

Outros entendem que Deus dá a cada pessoa a capacidade de escolher - a sua graça e misericórdia estendem-se a todos. Essas pessoas dizem que cada um tem de atender ao chamado, decidindo se quer se arrepender do pecado e voltar para Deus. Elas são da opinião que Deus honra as escolhas das pessoas, seja recusar, seja aceitar o convite de Cristo. Veja: "Jerusalém, Jerusalém, você, que mata os profetas e apedreja os que são enviados a você! Quantas vezes eu quis reunir os seus filhos, como a galinha reúne os seus pintinhos debaixo das suas asas, mas vocês não quiseram!" (Lucas 13:34) 

E você? Em que acredita?

FONTE - PASTOR  ANTÔNIO JÚNIOR

0 comentários:

Postar um comentário

 

© - 2014. Todos os direitos reservados.Imagens Crédito: Valfré